Samir pede para Flamengo também pensar no Carioca: "Jogo contra o Bolivar, só depois"

Samir: juventude e experiência na zaga do Fla
Samir: juventude e experiência na zaga do Fla
Caso vença o clássico diante do Botafogo, domingo, no Maracanã, o Flamengo pode conquistar de maneira antecipada o título da Taça Guanabara, o que equivale o primeiro turno do certame carioca, para que isso se concretize, no entanto, o rubro rengro precisa torcer por um tropeço do Fluminense diante do Duque de Caxias, os times duelam domingo à tarde, em Volta Redonda.

O zagueiro Samir, de apenas 19 anos, destaque da base rubro-negra não espera jogo fácil apesar de o Botafogo está praticamente eliminado do campeonato, ele pede atenção e foco, se for o caso até deixar de lado a partida de quarta-feira, pela Libertadores, contra o Bolivar. O jovem zagueiro afirma que é hora do Flamengo pensar no campeonato carioca.

“Temos que ir por parte, temos que pensar agora no jogo contra o Botafogo, se Deus quiser vamos sair com um resultado positivo, e logo após o resultado contra o Botafogo, pensar no jogo de quarta-feira pela libertadores”, falou Samir, que vem se firmando a cada dia na zaga rubro negra, faz uma boa dupla com Wallace, apesar da juventude conquistou a vaga de Chicão, que hoje stá no banco de reservas. Samir aponta a sua principal qualidade e defeito.

“O lado positivo é que acho que sou rápido, é uma vantagem que eu tenho e o ponto fraco é que eu me acho um pouco baixo, mas nesse aspecto procuro trabalhar na bola parada para que eu possa reposicionar bem e sempre levar vantagem”, completou Samir, que tem 1,88m e hoje é considerado um dos homens principais do técnico Jayme de Almeida.

Postar um comentário

0 Comentários