Confira trechos da entrevista do vice do futebol do Flamengo Wallim Vasconcellos a Rádio Tupi do Rio nesta terça, 13 de maio 2014.

Wallim Vasconcellos, vice de futebol do Fla

NOMES PARA O CARGO DE DIRETOR-EXECUTIVO

“Ainda não estamos pensando nisso agora. Conseguimos fechar com o treinador, auxiliar-técnico e preparador físico. Em um segundo momento, vamos pensar em um nome para exercer esse cargo. Não estamos com pressa porque são cinco jogos para terminar essa primeira etapa  do Brasileiro e não vislumbramos a necessidade de ter um diretor-executivo neste momento.”

PEDIDOS DE REFORÇOS DO TÉCNICO NEY FRANCO

“Ele ainda está avaliando o grupo. Conversamos sobre o elenco hoje e passei a lista dos atletas. O Ney Franco conhece o plantel, mas irá observar melhor cada um nos últimos jogos antes da paralisação. Depois saberemos as posições que ele vai querer contratar para o segundo semestre da temporada”

MUDANÇAS DE TREINADORES CONSTANTES DA ATUAL ADMINISTRAÇÃO

“Dos quatro anteriores, dois quiseram sair. Outros dois saíram pela nossa vontade. Temos que zelar sempre pela boa performance do Flamengo. Temos que antecipar qualquer problema para evitar desgaste adiante. Por isso tomamos essa decisão (demissão de Jayme de Almeida)”

ESTREIA  DE NEY FRANCO CONTRA O DESAFETO ROGÉRIO CENI

“Não tem nada a ver. O futebol vive dessas polêmicas, porém o Rogério Ceni e o Ney Franco são pessoas educadas e se respeitam como profissionais. Não são obrigadas a serem amigas. Os dois vão procurar ganhar, mas tenho certeza que na estreia do Ney Franco, o Flamengo será vencedor diante do São Paulo. Espero mostrar um Flamengo motivado e novo a partir de agora”

Ney Franco será o quinto treinador do Flamengo em 17 meses e será apresentado nesta quarta-feira, no Ninho do Urubu. Ele assina contrato até o final de 2015. Na primeira passagem, o treinador dirigiu o Flamengo em 74 partidas com 33 vitórias, 17 empates e 24 derrotas.

Postar um comentário

0 Comentários