Presidente do Lyon desiste de contratar Juninho como técnico devido a exigência de diploma

Juninho Pernambucano estava cotado para dirigir o LyonEm entrevista exclusiva à Rádio Globo, Juninho Pernambucano afirmou ser muito difícil virar treinador do Lyon e o maior empecilho para isso é a exigência de se ter um diploma de treinador na França, regra que passará a valer a partir do ano que vem. O presidente do Lyon, Jean-Michel Aulas, confirmou a informação em entrevista a uma rádio francesa.

“Para Juninho, infelizmente, não vai dar. Eu tive uma longa conversa por telefone para explicar esta nova regra (exigência do diploma). É uma regra que se aplica a todos. No ano seguinte, para ser treinador de Divisão 1, deve ter o diploma para exercer a função. Isso significa que Juninho pode retornar ao Olympique Lyonnais, mas não como treinador”, explicou o presidente.

Na última semana, também com exclusividade à Rádio Globo, Juninho mostrou-se interessado em comandar o Lyon, mas já destacava os problemas. O Reizinho da Colina também afirmou estar muito feliz com o atual momento como comentarista da TV Globo e da Rádio Globo.

“Seria um desafio muito bacana e que gostaria de encarar, mas o diploma realmente é o maior problema. Além disso, estou muito feliz como comentarista, estou gostando mais do que esperava. Infelizmente, é bem difícil que eu seja o treinador do Lyon, mas é bom ser lembrado por um clube tão especial na minha vida”, disse Juninho.

Fonte: Rádio Globo

Postar um comentário

0 Comentários