Vasco empata a 3ª seguida na Série B e incomoda a sua torcida.

Vasco empata a 3ª seguida na Série B e incomoda a sua torcida.

Em mais uma atuação ruim, o Vasco empatou sua terceira partida consecutiva no Campeonato Brasileiro da Série B e viu o G4 se distanciar ainda mais. Desta vez o adversário foi o Bragantino, em Bragança Paulista (SP), com o placar de 1 a 1.

O JOGO

Para o jogo com os paulistas, o técnico Adilson Batista se desfez do esquema com três volantes e optou por uma formação mais ofensiva, com três atacantes. No início, o time até chamou a responsabilidade para si, mas após os primeiros 15 minutos, voltou a ser a mesma equipe desanimadora que atuou contra Sampaio Corrêa e Joinville.

Sem jogadas e criatividade alguma, o Cruzmaltino passou a ser envolvido pelo Bragantino, que acabou criando as principais oportunidades na etapa inicial.

A chance mais clara foi aos 27 minutos, quando Cesinha fez boa jogada pela direita, cruzou e Robertinho surgiu livre, no meio da zaga vascaína, para escorar de cabeça e a bola explodir na trave do goleiro Diogo Silva.

Com um Douglas sonolento, o Vasco tentava explorar os pontas Yago e Guilherme Biteco, mas os jovens acabaram não dando sequência à maioria das jogadas.

No segundo tempo, Adilson Batista resolveu sacar a dupla, colocando Rafael Silva e Montoya, mantendo, assim, o mesmo esquema. As alterações, porém, pouco surtiram efeito e o time voltou a apresentar os mesmos problemas.

Ao passar do tempo, o Cruzmaltino colecionava chutes sem direção e passes errados, para desespero dos torcedores.

Vendo sua equipe sem criatividade alguma, o experiente zagueiro Rodrigo tentou resolver do seu jeito e a aposta deu certo. Aos 26 da etapa final, o defensor cobrou uma falta com violência quase do meio de campo. A bola quicou na pequena área, o goleiro Renan bateu roupa e Montoya, esperto, pegou o rebote para abrir o placar em Bragança Paulista.

Jogando tão mal, o placar chegava a ser até injusto, e a partida resolveu ser justa quando, dez minutos depois, após cruzamento da esquerda, Robertinho chegou por trás do lateral-direito André Rocha e escorou para o fundo da rede, empatando o duelo.

O próximo compromisso do Vasco é neste sábado, contra a Portuguesa, às 16h20, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ).

FICHA TÉCNICA

BRAGANTINO 1 X 1 VASCO

Data: 27/05/2014 (terça-feira)
Horário: às 21h50 (horário de Brasília)
Local: Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)
Transmissão na TV: Premiere
Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação (BA)
Auxiliares: Elicarlos Franco de Oliveira (BA) e José Carlos Oliveira dos Santos (BA)
Cartões amarelos: Gustavo, Francesco, Robertinho (BRA); Pedro Ken (VAS)
Cartões vermelhos: Não houve
Gols: Montoya, aos 26 minutos do segundo tempo (VAS); Robertinho, aos 36 minutos do segundo tempo (BRA)

BRAGANTINO: Renan; Robertinho, Yago e Luiz Eduardo; Franchesco, Gustavo, Danilo Bueno (Magno – 24’/2ºT) e Bruno Recife; Cesinha, Léo Jaime (Luisinho – 39’/2ºT) e Tássio (Nunes – 12’/2ºT) – Técnico: André Gaspar

VASCO: Diogo Silva; André Rocha, Luan, Rodrigo e Diego Renan; Fabrício, Pedro Ken e Douglas; Yago (Rafael Silva – 13’/2ºT), Guilherme Biteco (Montoya – 19’/2ºT)e Edmilson – Técnico: Adilson Batista – Técnico: Adilson Batista

Fonte: UOL (texto, ficha), O Dia (ficha)

Postar um comentário

0 Comentários