Vasco faz 2x0 na Ponte e encaminha classificação na Copa do Brasil

Diego Renan marcou o primeiro gol da partida em Campinas

O Vasco deu um passo importante na Copa do Brasil ao vencer a Ponte Preta fora de casa, em Campinas pelo placar de 2×0, ontem à noite. Os gols do Vasco foram assinalados por Diego Renan e Thalles, ambos na segunda etapa. Com o resultado o Vasco pode até perder por um gol de diferença e estará classificado.

O jogo de volta acontece na próxima quarta em São Januário. Após a partida no Moisés Lucarelli, o técnico Adilson Batista ressaltou que a equipe do Vasco, que foi escalada com três volantes pode ter várias formações diferentes. “O que vocês precisam analisar é que eu já testei vários jogadores, várias situações e o atleta vai me dando essa situação para mim fazer isso- ou de colocar três na frente ou três volantes, já fiz no começo do linha um time tendo uma linha de 4, liberando o Douglas, aí entra a qualidade do jogador, uma série de fatores que a gente faz, e não não nenhuma novidade, é só o atleta cumprir com a sua função, hoje aqui melhoramos no segundo tempo em função de termos o controle do jogo, não errar passes, soubemos administrar o resultado também.”, analisou Adilson.

O Vasco volta a campo no próximo sábado, novamente contra a Ponte Preta em Campinas, no Mosés Lucarelli, agora pela Série B. Devido a proximidade do confronto, o elenco optou por ficar no interior de São Paulo até o final de semana. Para esta partida há a possibilidade do zagueiro Rodrigo retornar ao time titular.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 0 X 2 VASCO

Local: Moisés Lucarelli, Campinas (SP)

Data-hora: 23/7/2014, às 22h (horário de Brasília)

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG-Fifa)

Auxiliares: Janette M. Arcanjo (MG-Fifa) e Pablo A. Costa (MG)

Cartões amarelos: Juninho, Raphael Silva e Adilson Goiano (PON)

Gols: Diego Renan (10’/2ºT) , Thalles (16’/2ºT)

PONTE PRETA: Roberto, Daniel Borges, Raphael Silva, Luan e Magal; Adilson Goiano, Juninho, Alef e Adrianinho; Edno (Rossi – 26’/2ºT) e Alexandro (Raphael Costa – 15’/2ºT) – Técnico: Parraga.

VASCO: Martin Silva, Carlos César (André Rocha – 12’/2ºT), Luan, Douglas Silva e Diego Renan; Guiñazú, Aranda, Fabrício e Douglas (Dakson – 28’/2ºT); Kléber e Thalles (Yago – 22’/2ºT) – Técnico: Adilson Batista.

Postar um comentário

0 Comentários