Flamengo vence o Corinthians com gol polêmico e se afasta do Z-4

Após sofrer duas derrotas consecutivas para Grêmio e Goiás, o Flamengo se recuperou na tarde deste domingo(14/9) jogando no Maracanã derrotou a equipe do Corinthians por 1×0. Com o resultado o Mengo chegou aos 28 pontos e se afastou da zona de rebaixamento. Quanto ao Corinthians, a derrota fez com que o time deixasse o G-4.

Flamengo vence o Corinthians com gol polêmico e se afasta do Z-4

O gol foi marcado pelo zagueiro Wallace aos 19 minutos da segunda etapa em posição de impedimento- erro de arbitragem, aliás o árbitro pernambucanos Sandro Meira Ricci também assinalou um pênalti a favor do Flamengo desperdiçada por Eduardo da Silva de forma errada, já que não houve a intenção do lateral direito Fagner da equipe corintiana de colocar a mão na bola.

O atacante Eduardo da Silva pela primeira vez desde que chegou ao Flamengo atuou os 90 minutos. Os mais de 32 mil pagantes proporcionaram uma renda superior a R$ 1,4 milhão. A próxima partida do Rubro será na quarta-feira diante do Palmeiras, às 22h, no Pacaembu. O Corinthians joga no seguinte, na Arena Itaquera contra a Chapecoense.

Jogadores do Fla comemoram gol de Wallace

 

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 1 X 0 CORINTHIANS

Estádio: Maracanã, em Rio de Janeiro (RJ)

Data/hora: 14/9/2014 – 16h (de Brasília)

Árbitro: Sandro Meira Ricci (PE)

Auxiliares: Clovis Amaral da Silva (PE) e Elan Vieira de Souza (PE)

Renda e Público: R$ 1.449.317,50 / 32.400 pagantes

Cartões amarelos: Cáceres, Márcio Araújo e Wallace (FLA); Fagner (COR)

Cartões vermelhos: –

GOLS: Wallace, aos 20’/2ºT (1-0)

FLAMENGO: Paulo Victor; Léo Moura, Chicão, Wallace e João Paulo; Cáceres, Márcio Araújo (Luiz Antonio, aos 29’/2ºT), Canteros (Amaral, aos 33’/2ºT) e Everton; Eduardo da Silva e Alecsandro (Elton, aos 29’/2ºT). TÉCNICO: Vanderlei Luxemburgo.

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Gil, Anderson Martins e Fábio Santos; Ralf (Malcom, aos 29’/2ºT), Elias, Lodeiro (Jádson, aos 36’/2ºT) e Renato Augusto; Luciano (Ángel Romero, aos 17’/2ºT) e Guerrero. TÉCNICO: Mano Menezes.

Postar um comentário

0 Comentários