Médico Márcio Tanure explica 'onda de lesões' e descarta divergências no Flamengo: "Se tem conflito, é para o bem do clube"

Médico Márcio Tanure explica 'onda de lesões' e descarta divergências no Flamengo: Após o treino físico da manhã desta terça(5.5) em Atibaia-SP, o médico do Flamengo Márcio Tanure concedeu entrevista coletiva e aproveitou para esclarecer a respeito do trabalho que vem sendo feito pelo departamento médico com o departamento de preparação física visando a recuperação de jogadores lesionados.

Importa lembrar que após a eliminação do time no Campeonato Carioca, o treinador Vanderlei Luxemburgo se queixou publicamente que não teve condições de escalar a equipe ideal, devido o grande número de jogadores lesionados entregues ao DM.

Na entrevista desta terça, o médico Márcio Tanure falou inicialmente sobre a queixa do técnico Luxemburgo e descartou não haver polêmica.

– Não existe polêmica. Lógico que o treinador quer contar com os melhores jogadores, mas não tem polêmica nenhuma, pelo contrário, a gente sempre vai ter uma discussão em prol do benefício do clube para vê aonde a gente pode aprimorar para a gente colocar o atleta a disposição da equipe o mais rápido possível.

Perguntado se tem havido conflito e divergências envolvendo os departamentos médico e de preparação física, Tanure foi bem categórico.

– Se tem conflito, é para o bem do clube, porque ambos querem o melhor; o treinador quer contar com todos os jogadores e nós também queremos que todos os jogadores estejam a disposição do treinador.

O médico também falou sobre o atacante Paulinho que não consegue uma sequência de jogos por conta de uma lesão na coxa direita.

– Todo jogador que volta de uma cirurgia de cruzado anterior tem dificuldades e por conta do período de inatividade surge o desequilíbrio muscular.

Tanure comenta a situação do argentino Hector Canteros, que machucou o joelho direito no último dia 28 de março em jogo do Campeonato Carioca contra o Bonsucesso, voltou na segunda partida das semifinais contra o Vasco, mas novamente sentiu dores no joelho e acabou sendo poupado pelo técnico Luxemburgo no amistoso do sábado passado contra o Icasa em Juazeiro do Norte-CE

– Ele teve estiramento do colateral medial, a gente fez uma ressonância, não teve nenhuma lesão, voltou a treinar, sentiu um pouco de dor; cada caso, é um caso, então como não tinha nenhum jogo, era apenas uma amistoso, a gente preferiu poupá-lo, tanto é que ele treinou com o grupo hoje.

Em relação o colombiano Armero recém-chegado ao Flamengo, ele estaria sentindo dores no púbis e vira dúvida para estreia contra o São Paulo. Não há, no entanto informação sobre lesão, mas ele está sendo submetido a trabalho fisiológico. Ainda na segunda-feira, integrantes da comissão técnica diziam em Atibaia que Armero teria toda chance de ficar a disposição para o duelo com o tricolor paulista.

Por: José Loiola Neto- Notícias do Flamengo.

Postar um comentário

0 Comentários